A questão das rosas nos vinhedos vai muito além da estética, visto que as roseiras dão o alerta de uma das piores doenças da vinha: o oídio, que sempre ataca primeiro as rosas e depois os vinhedos, razão pela qual, quando a roseira está doente, para evitar uma perda grande, deve-se, urgentemente, curar o vinhedo (utiliza-se enxofre misturado com água).