O Pera Manca é o melhor vinho da adega Herdade da Cartuxa (Fundação Eugénio de Almeida) e um dos mais aclamados e caros de Portugal (Évora/Alentejo). A propriedade foi um antigo mosteiro cartusiano fundado em 1857, se tornando particular em 1834. Ocupada por fazendeiros após a Revolução dos Cravos, em 1974, foi devolvida posteriormente bastante danificada. Seus vinhedos tiveram que ser todos replantados.

Elaborado somente nos melhores anos, esse 1995, uma das melhores safras elaboradas até hoje, bled de Tricadeira, Aragonêz e Tinta Roriz, cortesia do amigo Aldir Almeida, amadureceu por cerca de três anos em grandes toneis de três mil litros de carvalho português. Esse período em madeira, ao contrário do que se possa pensar, atribuiu muita elegância e longevidade ao vinho. Na taça mostrou um visual levemente atijolado, aromas intensos, com notas balsâmicas e de especiarias, frutas secas, chá e fumo. Paladar confirma as notas do nariz, taninos aveludados, e uma persistência muito longa. Com certeza vai evoluir e alcançar seu apogeu nos próximos 10 anos. ST (93+).