Albis 2003 ST(92+)
Sempre tive a curiosidade de degustar este puro sangue do chile. Na noite de ontem na casa do amigo Aldir chegou a minha vez. Coloração ameixa já demostrando evolução com tons alaranjados na borda. Na boca se mosrou um pouco tanico, pedindo mais tempo de garrafa com notas de chocolate e menta. Em discussão foi unânime a sua logevidade, qualidade !
Levado pelo amigo Weligton Andrade. Preço 398,00
Uva:
75% Cabernet Sauvignon
25% Carménère
As uvas foram colhidas na última semana de abril e em maio de olhar para a maturação de taninos direito, tanto em Cabernet Sauvignon e Carménère. Small-vinificação lote é sempre usada para revelar características únicas deste vinha encosta. Após as uvas foram esmagadas luz, eles passaram por um trocador de calor para ter maceração a frio por dez dias. Cada tanque foi gerido de forma independente para chegar a uma estrutura elegante e suave. A fermentação alcoólica foi feito em tonéis de carvalho francês Taransaud em 30-32 ° C por 10 a 12 dias. Mão remontagem foi feito para fazer a extração de taninos suaves durante a fermentação e no período total de maceração foi de 30 dias. Sofre fermentação maloláctica em barricas novas de carvalho francês. Total barril de envelhecimento de 18 meses.
Historia
Em 1991, após uma carreira de negócios altamente bem sucedido no setor privado do Chile, o empresário Eduardo Matte adquiriu uma propriedade que ele daria o nome Haras de Pirque, na parte sudoeste de Pirque, numa prestigiada área vinícola situada no Vale do Maipo. Objectivos Eduardo Matte incluiu o lançamento de um projeto da adega principal, e expansão e melhoria da fazenda existente puro-sangue.
A propriedade, hoje abrangem 600 hectares – suavemente sobe as encostas mais baixas de um esporão da Cordilheira dos Andes. Nestas colinas, entre 1992 e 1993, cento e vinte hectares de vinhas foram plantadas, principalmente com os tintos Cabernet Sauvignon, Merlot e Carmenère, e os brancos Chardonnay e Sauvignon Blanc.