Fundada por imigrantes italianos em 1905, esta vinícola teve sua grande mudança em 1969, quando foi adquirida pela família Nieto Senetiner, tornando-se uma das principais referências da Argentina e adquirindo grande prestígio internacional. A Nieto Senetiner combina com perfeição tradição e inovação, usando equipamentos de última geração e técnicas modernas de vinificação, traduzindo desta forma em seus vinhos a força do terroir de Mendoza. Um dos maiores trunfos da empresa é a forma como cultiva as nobres videiras, dando-lhes todas as condições para que produzam frutos de altíssima qualidade, base indispensável para a produção de vinhos de muita personalidade.

Notas de Prova:

Visual escuro, sem sinais de evolução, aromas maravilhosos de tosta, frutas maduras como manga, cassis e evoluindo para torrefação. Na boca uma estrutura invejável, com taninos maduros e aveludados com álcool integrado e uma ótima persistência.

Argentina – Agrelo, Luján de Cuyo – Mendoza- 100% Syrah (Vinhas de 30 anos) – 24 meses de carvalho francês – safra 2002- ST95