Matéria publicada hoje, 29/03, no Caderno Prazer & Cia – Jornal A Gazeta

Para a maioria das pessoas, especialmente os cristãos, a Páscoa lembra encontro em família, resultando na tradicional troca de ovos de chocolate, símbolo do renascimento da vida. Mas, por que não aproveitar esse momento para incluir o vinho na mesa e brincar de harmonizar.

Apesar de serem ingredientes tradicionais do período de Páscoa vinho e chocolate normalmente não são consumidos juntos. Isso porque combiná-los requer alguns cuidados, porém o resultado compensa trazendo experiências únicas e agradáveis surpresas para os mais aventureiros. Para garantir o sucesso da combinação, prefira chocolates com alto índice de cacau, no mínimo 60%, já que, quanto maior este percentual, menor o índice de gordura e menos doce é o chocolate. Consequentemente, menos doce precisa ser o vinho – o que possibilita a harmonização com rótulos secos e bem estruturados.

Os chocolates com maior concentração de cacau, acima de 50%, combinam bem com diversos tipos de tintos, sejam eles jovens ou encorpados e bem estruturados, preferencialmente de varietais com Cabernet Sauvignon e Shiraz. Se o chocolate tiver até 70% de cacau em sua composição, a sugestão são os rótulos tintos secos de boa estrutura e sem passagem por madeira, como os Merlots jovens. Acima deste percentual, a dica é optar um vinho tinto com leve passagem por madeira, em um corte entre Cabernet e Merlot.

Para quem não abre mão dos chocolates mais doces, os tradicionais, a sugestão são os vinhos mais adocicados ou mesmo licorosos. A minha opção é Vinho do Porto, do Porto Ruby, que indico do produtor C. Da Silva – Dalva, até o maravilhoso Late Bottle Vintage- LBV – Quinta do Crasto. Se o chocolate tiver frutas secas, um Porto Tawny vai melhor. O Perini Éden, um vinho branco fortificado, elaborado a partir da combinação de uvas finas aromáticas, com alto grau de maturação é outra opção. A prolongada permanência em barris de carvalho – até 20 anos – lhe confere uma coloração amarelo-âmbar, pronunciados aromas de mel e ameixa seca, além de sabor delicado. É ideal para acompanhar sobremesas a base chocolate ou mesmo um ovo de páscoa puro, até com menor percentual de cacau.

O espumante moscatel também é uma boa alternativa para acompanhar os doces da Páscoa. Os chocolates com recheio de frutas cítricas, por exemplo, podem ser harmonizados com espumante moscatel. A mesma indicação vale para os chocolates brancos, pois são mais gordurosos e a as borbulhas e acidez do espumante ajudam a “limpar” a língua”. O espumante moscatel é um coringa na harmonização de doces e serve como escolha fácil e certeira, especialmente para os mais leves.

Para chocolates com avelã ou licor, a dica é o moscatel de Setúbal, o Thasos, que tem sabor frutado e com grande frescor. Para chocolates com mais de 50% de cacau, até um espumante extra brut pode cumprir a tarefa de preparar a próxima mordida.

Vinhos indicados pela coluna:

Perini Éden

O Vinho Branco brasileiro Fortificado Perini é elaborado a partir da combinação de uvas finas aromáticas, com alto grau de maturação. A prolongada permanência em barris de carvalho lhe confere uma coloração amarelo-âmbar, pronunciados aromas de mel e ameixa seca, além de sabor delicado. Alc 16,5% – 500ml – R$ 32,00 – Onde encontrar: Carone – Nota: 87/100

C. Da Silva Dalva Porto Tawny

Vinho que apresenta uma coloração amarelo âmbar devido ao seu longo estágio em madeira. Possui aromas que evocam frutas passas e também um ligeiro toque de baunilha. No paladar, apresenta um sabor agradável com álcool bem casado. Alc 19% – 750ml – R$ 79,00
- Onde encontrar:  Ville du Vin -– Nota: 88/100

Thasos Moscatel de Setubal 2008

Com uma cor âmbar, límpido. Aroma intenso com notas de laranja, frutos secos, mel e nuances de baunilha. Em boca é frutado, macio, com bom frescor e persistência.  Alc: 17% – 750ml – R$ 100,00
– Onde encontrar: Sabores e Delícias (3084 6034) – Nota: 88/100

Porto Quinta do Crasto LBV 2006

Produzido a partir de uma só colheita excepcionalmente boa, esse LBV é elaborado a partir de mais de 30 variedades de uvas provenientes de vinhas velhas. Apresenta aroma de frutas secas e textura aveludada. Muito equilibrado. Alc: 19,2% – 750ml – R$ 126,00 - Onde encontrar: www.wine.com.br – Nota: 90/100

Curta a pagina do Blog Vivendo a Vida no Facebook