Os vinhos espanhóis estão na moda, difícil não gostar. A fórmula do sucesso é simples, são bons e baratos.

O vinho escolhido ontem para a prova, o Monte Toro Joven 2010, é proveniente da DO (denominação de origem) TORO, que apesar de ser relativamente nova, no caminho do aprendizado, é certamente uma região a ser observada. Já produz ótimos vinhos. Em virtude do baixo rendimento, falta de chuva, e uma grande amplitude térmica, permite a uva uma maturação ideal. A uva Tempranillo se deu muito bem por lá, produz vinhos mais escuros e mais tânicos que os da Rioja, que podem ter mais potencial de envelhecimento.

Riso ao Nero de Sephia feito pelo amigo Flavio Maraninchi

Avaliação pessoal: ST (88) – 100% Tempranillo – Espanha DO Toro – R$ 60,00 – Onde encontrar em Vitória: Zanatta Wine Store – Importadora www.madribras.com

Visual vermelho profundo, com borda purpúrea. Nariz aberto, com notas de frutas vermelhas e negras maduras, fumaça, leve torrefação com um fundo mineral. O paladar apresentou bom corpo, macio e com bom frescor. Quente. Fruta bem destacada. Boa persistência. Este vinho vai bem com carnes curadas, paella e churrasco. Com o risoto de lula acima se saiu bem.


Siga o Blog Vivendo a Vida no Twitter

Curta a pagina do Blog Vivendo a Vida no Facebook