Dando prosseguimento a minha busca no ExpoVinis 2012 por vinhos que ainda não conhecia na taça, falo hoje sobre um vinho licoroso, o Mouchão licoroso 2006 tinto. Produzido por métodos tradicionais, pisa a pé e estágio em piparões, durante 4 anos antes de ser engarrafado.  

A Herdade do Mouchão possui um terroir muito específico e impossível de se reproduzir. A casta Alicante Bouschet há muito tempo encontrou por lá, no Alentejo, as condições que lhe permitem um ótimo desenvolvimento com excelentes resultados enológicos. Proveniente da França, esta casta é para os franceses uma verdadeira dor de cabeça. O clima quente e seco do Alentejo garante o número de horas de sol que o Alicante Bouschet necessita os solos de várzea, profundos, com uma camada de argila no subsolo que armazena água, as condições de relevo que rodeiam as vinhas e condicionam o seu microclima, permitem que as uvas desta casta sejam colhidas no ponto ótimo de maturação. No Mouchão também são plantadas as castas tintas Trincadeira e Aragonez e em menor escala as brancas Antão Vaz, Arinto e Roupeiro.

País: Portugal – Região: Alentejo – Uvas: Alicante Bouschet e Trincadeira – Graduação Alcoólica: 21,5%

Visual:  Rubi com reflexos violáceos, de intensidade alta, sem evolução.

Aroma: Bastante intenso, frutas vermelhas e negras, baunilha, evoluindo na taça para caramelo e chocolate.

Paladar: Gordo, muita concentração, taninos finos e uma acidez viva e equilibrada. O seu final é longo e saboroso.

Harmonização: Os doces acompanham bem vinho licoroso doce ou meio doce, conforme a sobremesa tenha mais ou menos açúcar na sua produção.

Importador:  http://www.alentejana.com.br/

Site Vinícola: http://www.mouchaowine.pt/

Preço: 102,50

Avaliação Pessoal: ST (90) muito bom

Curta a pagina do Blog Vivendo a Vida no Facebook