Na noite de ontem, com muito calor aqui na cidade de Vitória no Espírito Santo, decidi abrir uma garrafa de espumante brasileiro para refrescar. O escolhido foi o Adolfo Lona Brut Charmat, espumante que leva o nome do próprio enólogo e dono da vinícola.

Adolfo lançou este produto elaborado pelo método de grandes recipientes (Charmat) no ano de 2008 para completar sua linha e atender os consumidores de um espumante mais jovial e fresco.

A diferenças dos demais está na forte predominância de Chardonnay misturado à uma pequena quantidade de Pinot Noir, e a tomada de espuma a baixa temperatura que prolonga o processo.

Avaliação Pessoal: ST (87)

Visual amarelo claro brilhante, borbulhas médias e pequenas com boa persistência. Aromas lembram fermento de pão, frutado e floral. O paladar mostra cremosidade média, boa fruta, fresco, intenso e uma acidez equilibrada. A grande dica é a temperatura, estando a 6°C, vai aproveitar o seu melhor.

Brasil – Garibaldi/Serra Gaúcha – Charmat – Chardonnay e Pinot Noir – – Preço: 39,00