Pomerol é a apelação de Bordeaux onde se produzem os mais aveludados e sensuais vinhos, ainda que seja difícil acreditar que esta pequena área rural, com suas fazendas decadentes e raras propriedades que realmente mereçam o título de “Château”, possa produzir vinhos com tal magnitude e preços tão elevados. Não existe uma classificação oficial dos vinhos de Pomerol, porém o Château Pétrus é aceito universalmente como sendo o melhor produtor e não lhe deve ser negada uma classificação equivalente a um “Premier Cru”. Não é fácil imaginar que um dia, Pomerol foi considerada uma sub-apelação inferior de Saint-Émilion, obtendo sua independência em 1900. No entanto, mesmo o Château Pétrus só conseguiu fama e prestígio a partir da metade da década de 60.

Para conhecer sobre a vinícola acesse> http://j.mp/pfM6W1

Avaliação Pessoal: ST (90)

Vinho rubi, sem sedimentos, discreto halo de evolução. Seus aromas lembram ameixa, especiarias como pimenta-do-reino, toques animais, lembrando couro e defumados. Na boca, mostra elegância, corpo médio, confirma o nariz em boca, taninos macios e aveludados, boa acidez com retrogosto frutado com boa persistência.

França – Bordeaux/Pomerol – 70% Merlot e 30% Cabernet Franc – 18 meses em barrica – Casa do Porto – R$ 260,00 reais