No post anterior falei sobre a contribuição do amadurecimento do vinho no barril de carvalho. Agora falo um pouco sobre uma alternativa que para mim é curiosa, pois não vi em nenhuma garrafa de vinho até hoje descrito em seu rótulo que o vinho não passa em carvalho e sim é introduzido Chips (lascas de carvalho). Essa alternativa é em virtude dos altos custos de uma barrica, que inviabiliza em alguns casos o seu uso. Por isso começaram a introduzir nos tanques de aço bolsas, tipo saquinho de chá, carvalho em pó, Chips (lascas de carvalho), ou cubos de carvalho de tamanhos variados. Teoricamente este método permite especificar o tipo da madeira e o grau de tosta, lhe conferindo também aromas e sabores. Quanto a qualidade como falei acima nunca provei sabendo???!!!

Deve ter muito vinho falando que passa em barril e na verdade é Chip! Se alguém souber mais informações favor comentar.