Há 22 anos à frente da vinícola de sua família, o vinicultor Ernst Loosen, já conquistou os prêmios mais importantes do mundo do vinho: Melhor Produtor Alemão (Revista Wine & Spirits, 2007); Um dos Melhores Produtores do Mundo dos Últimos 25 Anos(Revista Wine & Spirits, 2007); Homem do Ano (revista Decanter, 2005); Um dos 50 Enólogos Mais Influentes do Mundo (Revista Wine & Spirits, 2004); Produtor do Ano (Gault Millau, 2001); “Inseriu o vinho alemão no cenário mundial e no século XXI” (Jancis Robinson, Decanter 04/2005).

A vinícola Dr. Loosen pertence à família de Ernst há mais de 200 anos. Quando ele a assumiu, em 1988, concluiu que com vinhedos de idade média em torno de 60 anos, plantados em “pé franco” (sem enxertia sobre raiz americana, pois o Mosel é uma das poucas regiões da Europa onde vinhas em pé franco são permitidas, já que a phylloxera não sobrevive em seus solos bem drenados) e localizados em alguns dos melhores terroirs da Alemanha, detinha todas as matérias-primas necessárias para produzir vinhos profundos, complexos e de classe mundial.

Para atingir esse objetivo, Ernst reduziu dramaticamente a produção de seus vinhedos e substituiu todos os fertilizantes químicos por orgânicos. Também adotou novas práticas de vinificação mais sutis e com mínima intervenção tecnológica, para que seus vinhos expressem fiel e plenamente suas origens, seuterroir. Estes são os princípios adotados em suas duas vinícolas: Dr. Loosen, no Mosel e J.L. Wolf no Pfalz.

Avaliação Pessoal: ST (86) – Alemanha – Mosel – 100% Riesling – 7,5% – R$ 118,00 – Expand

Visual amarelo claro esverdeado, límpido e brilhante. No nariz apresenta de frutas brancas (abacaxi em calda), mineral, com toques florais, e de mel. Açúcar residual perceptível, corpo leve, boa acidez (frescor), e macio. Retrogosto de frutas brancas maduras, floral e mel. Persistência média. Um suquinho refrescante!

Curta a pagina do Blog Vivendo a Vida no Facebook