search engine optimizationsubmit websiteemail extractor

Archive for the ‘ Riesling ’ Category

Casa Umare é um hotel boutique maravilhosamente restaurado no coração de Buenos Aires, que abriga um bistrô de mesmo nome, listado entre um dos 50 melhores restaurantes da América Latina. Foi esse o cenário para apresentação e prova de bons vinhos da Patagônia em minha recente viagem pelo país a convite da Wines of Argentina.


A noite começou com palestra sobre a região patagônica ministrada por Carolina Peter, diretora de exportações da Bodega Familia Schroeder.

Em resumo a Patagônia vinícola, localizada entre os paralelos 30 e 40 sul e formada pelas regiões de Neuquén e Rio Negro, a paisagem é de uma planície desértica, árida – o verde só aparece nas áreas irrigadas pelo Rio Negro, união dos rios Neuquén e Limary, que nascem na Cordilheira dos Andes. A região é muito fria, com grande amplitude térmica, em torno de 20 graus, o que favorece a lenta maturação das uvas, e com pouca chuva, o que ajuda a sanidade da fruta. Algumas videiras quase centenárias convivem com plantas novas. Entre as variedades, há não só a emblemática Malbec, mas a Pinot Noir e a Cabernet Franc, cepas que se adaptaram muito bem ao clima. Seus vinhos impressionam pela grande elegância, riqueza de aromas, sabores, com uma acidez viva, o que confere um excelente potencial de guarda.

Ao termino da palestra segui junto dos colegas Didu Russo (www.didu.com.br), Beto Gerosa (www.vinho.ig.com.br) e Deco Rossi (www.enodeco.com.br), para uma sala em anexo, onde tivemos a oportunidade de provar vários rótulos de quatro bodegas da região, Humberto Canale, Malma, Fin del Mundo, Desierto e Família Schroeder.

  • Humberto Canale Pinot Noir 2011 – ST (88)
  • Humberto Canale Old Vineyard Malbec 2011 – ST (87)
  • Humberto Canale Old Vineyard Riesling 2013 – Destaque – ST (90)

  • Malma Pinot Noir 2012 – ST (85)
  • Malma Malbec Reserva de Família 2011 – Destaque – ST (89)
  • Malma Universo Malbec 2009 – ST (87)

  • Bodefa Fin del Mundo Reserva 2012 – ST (86)
  • Bodega Fin Cabernet Franc 2009 – Destaque – ST (89)
  • Bodega Fin del Mundo Special Blend 2009 – ST (87)


  • Desierto 25 Chardonnay 2012 – ST (86)
  • Desierto Pampa Malbec 2009 – ST (87)
  • Desierto 25 CS/MBC/SYR 2011 – ST (87)
  • Desierto 25 Cabernet Sauvignon 2011 – Destaque – ST (91+)

  • Saurus Barrel Fermented Pinot Noir 2011 – ST (87)
  • Saurus Barrel Fernented Malbec 2012 – ST (89)
  • Família Schroeder S 2009 – Destaque – ST (90)

Fechamos a noite apreciando a bela gastronomia do restaurante Casa Umare, que tem como Chef Darío Gualtieri, considerado uma referencia local. Trabalhou junto com Francis Malman, entre outras figuras conhecidas da gastronomia, tanto em Buenos Aires e São Paulo.

Todos os detalhes e contato do Hotel & Bistrô, aqui: http://casaumare.com/home/

Há 22 anos à frente da vinícola de sua família, o vinicultor Ernst Loosen, já conquistou os prêmios mais importantes do mundo do vinho: Melhor Produtor Alemão (Revista Wine & Spirits, 2007); Um dos Melhores Produtores do Mundo dos Últimos 25 Anos(Revista Wine & Spirits, 2007); Homem do Ano (revista Decanter, 2005); Um dos 50 Enólogos Mais Influentes do Mundo (Revista Wine & Spirits, 2004); Produtor do Ano (Gault Millau, 2001); “Inseriu o vinho alemão no cenário mundial e no século XXI” (Jancis Robinson, Decanter 04/2005).

A vinícola Dr. Loosen pertence à família de Ernst há mais de 200 anos. Quando ele a assumiu, em 1988, concluiu que com vinhedos de idade média em torno de 60 anos, plantados em “pé franco” (sem enxertia sobre raiz americana, pois o Mosel é uma das poucas regiões da Europa onde vinhas em pé franco são permitidas, já que a phylloxera não sobrevive em seus solos bem drenados) e localizados em alguns dos melhores terroirs da Alemanha, detinha todas as matérias-primas necessárias para produzir vinhos profundos, complexos e de classe mundial.

Para atingir esse objetivo, Ernst reduziu dramaticamente a produção de seus vinhedos e substituiu todos os fertilizantes químicos por orgânicos. Também adotou novas práticas de vinificação mais sutis e com mínima intervenção tecnológica, para que seus vinhos expressem fiel e plenamente suas origens, seuterroir. Estes são os princípios adotados em suas duas vinícolas: Dr. Loosen, no Mosel e J.L. Wolf no Pfalz.

Avaliação Pessoal: ST (86) – Alemanha – Mosel – 100% Riesling – 7,5% – R$ 118,00 – Expand

Visual amarelo claro esverdeado, límpido e brilhante. No nariz apresenta de frutas brancas (abacaxi em calda), mineral, com toques florais, e de mel. Açúcar residual perceptível, corpo leve, boa acidez (frescor), e macio. Retrogosto de frutas brancas maduras, floral e mel. Persistência média. Um suquinho refrescante!

Curta a pagina do Blog Vivendo a Vida no Facebook

Esta semana Vitória recebeu a visita do sommelier chefe da Undurraga, Claudio Rosendo e do diretor da importadora Abflug, Marcelo Toledo. A convite do meu amigo Leonardo Dantas, representante da importadora no Espirito Santo, tive junto a demais formadores de opinião a oportunidade de provar 11 dos 12 vinhos da linha TH.

TERROIR HUNTER (Caçadores de Terroir) é um projeto muito incrível da Viña Undurraga, onde os vinhos são produzidos em terroirs exclusivos, tendo como objetivo obter diferentes expressões das uvas, resultando em vinhos com o caráter (tipicidade) de cada terroir.

Como já tinha falado sobre o projeto, decidi postar aos poucos a minha opinião sobre os vinhos que mais me chamaram atenção na oportunidade.

O primeiro é o Undurraga TH. Riesling 2010, um delicioso vinho branco elaborado em Lo Abarca, uma zona em San Antonio que está há 4km do mar, um vale cercado por montanhas, vinho este considerado 5 estrelas da revista Decanter. A Riesling busca o seu o seu caminho no Chile, com pouca referencia, porem nesse caso já mostra um ótimo resultado na taça!

Avaliação Pessoal: ST (91) – Chile – Lo Abarca – 100% Riesling – 13,5% – Importador Abflug – R$ 100,00

Visual amarelo brilhante, aromas de frutas brancas bem maduras e mineral (muito petróleo). Paladar é seco, com bom corpo. Excelente acidez (frescor), macio e equilibrado. Retrogosto de frutas brancas maduras, floral e de petróleo. Persistência média/longa. Uma grata surpresa, recomendadíssimo!

Curta a pagina do Blog Vivendo a Vida no Facebook