Não existe experiência vínica mais agradável do que percorrer os vinhedos, salas de barricas, colher informações técnicas, além, é claro, provar o resultado desse trabalho, os vinhos, acompanhado dos enólogos – profissionais responsáveis por todo processo de produção. Para muitos pode ser cansativo, mas entendo ser uma oportunidade única para compreender melhor os vinhos.

Visita aos vinhedos 

Recentemente estive novamente na vinícola VIK, projeto de tirar o folego do empresário norueguês, Alexander Vik, localizado no vale de Cachapoal, San Vicente de Tagua Tagua, Millahue, chamado pelos indígenas de “Lugar de Ouro”.

Vinhedos 
O incrível visual da piscina 

Vinhedos, montanhas, trilhas para passeio a cavalo, trekking ou de bike, gastronomia, energia boa e muito vinho top!!! Sem falar no hotel de luxo, simplesmente único, com uma magnifica piscina de borda infinita com vista para os vinhedos e para o lago. O hotel também conta com spa em que os tratamentos são feitos com produtos a base de vinho. Uma experiência incrível! 

Almoço fantástico com visual dos vinhedos 
Sala de barricas 
Pavilion Café

A gastronomia fica por conta de dois restaurantes, o Milla Milla, dentro do hotel, e o Pavilion Café, na vinícola. O cardápio é elaborado com ingredientes de produtores locais e na própria horta do hotel. Café da manhã, almoço e jantar impecáveis, com atendimento atencioso e gentil.

Todas as refeições são acompanhadas dos vinhos da casa, Milla Cala, La Piu Belle e Vik, que já estão inclusos no valor da diária, que gira em torno de 650 dólares por pessoa.

O que acham deste quarto?
Vertical de Vik A – SAFRAS 2013, 2014 e 2015

A primeira experiencia na taça foi com Cristián Vallejo, pessoa de fino trato e atual enólogo chef da vinícola. O sacrifício foi provar uma vertical de Vik A – SAFRAS 2013, 2014 e 2015. A safra disponível no Brasil é a 2014, corte de Cabernet Sauvignon (55%), Merlot (4%), Carménère (27%), Cabernet Franc (2%), Syrah (12%), 20 a 24 meses em barrica de carvalho francês, seguido por 24 meses em garrafa. Vinho magnifico, gastronômico, e superior a sua faixa de preço. Feito com exclusividade para Wine – R$ 170.

Provar várias safras do mesmo vinho de forma sequencial é uma verdadeira aula. Os provadores recebem uma pequena quantidade de cada vinho, em taças marcadas, normalmente tem a presença de um “expert” ou do produtor para orientar a prova. Nesse momento é possível analisar várias nuances como o ano de safra e as suas condições climáticas, as técnicas de vinificação e as uvas utilizadas. É também possível avaliar as diferenças de aroma e sabor de uma safra para a outra que são também influenciados pelos anos de guarda. Não é a toa que os vinhos vêm com o ano da safra destaque nos rótulos.

“La Piu Belle Rosé, lançamento da Vik, muito bem feito, destaca-se pela cor clarinha e pelos aromas florais e de frutas vermelhas, agradável cremosidade de acidez na medida. Em breve no Brasil.

Para beber sem moderação!

La Piu Belle tinto, corte de Cabernet Sauvignon, Carmenére, Cabernet Franc, Merlot e Syrah. Coloração rubi violáceo densa, frutado intenso com amoras maduras, notas condimentadas, macio e ao mesmo tempo concentrado e elegante, taninos finíssimos com presença notavelmente sedosa no fim de boca. La Piu Belle é a deusa da natureza, amor, fertilidade, beleza e arte. Em torno de 580 reais no Brasil.

Vertical de Vik 2010, 2012, 2013 – Caminhando nas nuvens .

Vik, o grande vinho da vinícola, impressiona pela complexidade, maciez, elegância, casada com potência – “punhos de aço em luvas de pelica”. Todas as safras muito ricas, com várias camadas de aromas e sabores.  Em torno de 800 reais no Brasil pela wine.

Duas garrafas magunum (1,5 litros) de Vik abertas para o grupo pelo enólogo Cristián Vallejo. Um verdadeiro presente!

Queridos amigos de viagem! Agradecimento especial a Wine.com.br – Marcela Ulian (Diretora de marketing) e de Jaime Lamoliatte da Vik! 

Vina Vik

Distância de Santiago – 2 horas 

San Vincente de Tagua Tagua, Chile

Tel.: (56) 95668-4853

Diárias de US$ 600 a US$ 1.700

www.vinavik.com

Comments

comments